Maldita futilidade

Há umas três semanas, mais ou menos, eu estou sofrendo de futilidade, doença comum entre garotas de 15 anos, mimadas, podres e que não fazem nada da vida. Essa doença tem alguns sintomas leves no seu início que podem se tornar mais graves ao longo do tempo.

No começo eu entrava algumas vezes por semana em sites de fofocas e conversava de vez em quando sobre casamento e cozinha com algumas meninas aqui do meu trabalho.

Hoje estou completamente doente e não sei se ainda tem cura. Vejo meu Orkut quase todo o tempo e principalmente sites de fofoca. Vejo fotos da Britney, depoimentos da Ivete sobre sua gravidez e seu aborto espontâneo. Acompanho cortes de cabelo, roupas, quem casou, quem separou, quem engordou, quem emagreceu, etc.

Eu estou sentindo essa doença cada vez mais presente em mim, não estou encontrando a cura e não sei onde procurar ajuda.

Eu nãããoooo quero continuar assiiiiiimmm!!! Eu não quero saber que a Britney saiu chorando do ensaio do mais novo clipe! Eu não quero saber que no babador do filho de 10 meses da Danielle Winits está escrito Rock Star.

E praticamente todas as meninas do meu trabalho estão grávidas, o que está me fazendo acreditar que gravidez também é vírus, e eu nunca tenho assunto com elas porque eu não sei o que falar dessas coisas de parto, chás, maridos, amamentação e demais assuntos grávidos. Mas eu fico lá, escutando e sonhando, falando de cozinha, decoração e regime!

A doença está tomando conta de mim e eu gostaria de ajuda, de nome de remédio, de clínica de reabilitação ou qualquer coisa que me faça voltar a ser a mulher sadia e esperta que sempre fui!

Anúncios

2 comments so far

  1. Frederico Carvalho Junqueira on

    Hum, que coisa hein! Pelo menos vc está indo fundo por outras informaçoes, tem gente por aqui, em São Paulo, que só fala de sequestro. =P

    Bjo de um amigo orkutiano ae. =]

  2. Rafael on

    Vc tá misturando futilidade com vida em família. Se joga em tudo que for relacioando a família, casamento, filhos e cozinha. Se alguém disser que isso não rola, foge que é pura futilidade feminista.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: